O rap em lançamentos, histórias, notícias, downloads

Raps que ultrapassam a barreira imposto pelo gênero musical e se tornam hits nacionais

0

Enquanto as rádios e os artistas maiores investem no reggaeton como gênero do momento, uma tendência entre quem consome música pela internet aponta pra uma outra vertente: o rap. Grupos do gênero vêm cada vez mais fazendo sucesso entre os adeptos das plataformas de streaming.

O sucesso pode ser impulsionado por artistas internacionais que vêm ganhando bastante reconhecimento, como Chance The Rapper e A$AP Rocky – não por coincidência, influência declarada dos novos nomes do hip hop brasileiro junto com os nossos clássicos, como RZO Sabotage,

O Letras, por exemplo, é uma espécie de “termômetro” daquilo que o brasileiro está ouvindo (e curtindo). Ao acessar o TOP 10 do site, dá pra ver os nomes do rap que novos ao grande público, como 1Kilo, Hakaiss ou Hungria Hip Hop. Mas a verdade é que esses artistas já são ídolos no YouTube, no Spotify, no Palco MP3 e em outras plataformas de música alternativas ao mainstream.

Como boa parte dos artistas que vêm do hip hop, esses grupos fazem todo o corre musical de forma independente, sem gravadoras ou maiores investimentos de terceiros. Então, não deixa de ser surpreendente o alcance que essas bandas vêm ganhando – uma prova de que a internet ajuda a democratizar o acesso a músicas alternativas àquelas que aparecem nas grandes mídias.

Então, chega mais pra conhecer as músicas que estão fazendo a cabeça de muita gente e que já roubaram a cena no Letras:

1. Coração de Aço – Hungria Hip Hop

A música canta a história de uma mulher empoderada e decidida: ela badala, fuma seu próprio cigarro, não tem hora de voltar pra casa, e deixa o protagonista da canção quase enfeitiçado. Essa temática não existe de hoje no hip hop ou no funk, mas em tempos de discussão sobre o empoderamento feminino, uma musica que retrata a mulher como protagonista são uma ótima pedida.

Mas as temáticas musicais vão além, e falam também da ostentação de forma honesta e sem demagogia. Hoje esses hits estão bombando em vários lugares, até nas rádios da Espanha.

O Gustavo (ou Hungria Hip Hop) já está no corre há anos, e pelo menos desde 2014 vem atingindo um sucesso cada vez mais crescente. Até chegar em 2017, que já pode ser considerado o ano de ouro do novo rap brasileiro.

2. Deixe-me Ir – 1Kilo

Outra música dedicada a uma mulher, mas com uma clara conotação romântica. Essa mistura de sucesso levou o 1Kilo atingir o topo do Letras nas últimas semanas, com Deixe-me Ir. A faixa tematiza um casal com problemas no relacionamento e é o grande hit do 1Kilo, grupo que despontou quando resolveram divulgar suas músicas no YouTube. Antes de ser banda, a 1kilo já era um selo que visava apoiar artistas que fizessem um rap mais melódico, justamente o som que está em alta por agora.

O rap é o estilo que mais fala pra nossa geração e que o mercado tá aceitando mais, tanto aqui quanto lá fora (Pablo Martins)

Ele também falou ao site RapMais sobre o sucesso que a banda atingiu nas redes sociais:

Apesar de não ter uma mídia forte apoiando a gente, nós temos uns aos outros, nos ajudamos, e isso acaba dando resultado

3. Rap Lord – Haikaiss com Jonas Bento

Desafiamos você a tentar cantar a letra de “Rap Lord” sem gaguejar. A rapidez na rima de Spinardi (chamado speedflow) é garantia de um “bom rap” para muitos, mas não é a única coisa que impressiona no talento do Haikaiss. Os integrantes SPVIC, Pedro Qualy e Rafael Spinardi são experientes na cena e já trabalharam com nomes como Projota, o que mostra que os caras estão por dentro de como fazer um rap que ao mesmo tempo seja comercial, mas sem perder suas raízes.

O sucesso que despontou das redes sociais levou o grupo (que existe há 11 anos) do YouTube para as grandes emissoras de TV, até chegar à última edição do Lollapalooza, que teve os caras representando bem o rap nacional.

Em Rap Lord, parceria do grupo com Jonas Bento, há uma possível analogia à música de Eminem, “Rap God“. Para além da referência, o speedflow do rapper brasileiro não deixa nada a desejar em relação ao Eminem.

Por: Damy Coelho do Cifraclub.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.